Header Ads



ATUALIZADAS
recent

Pastor evangélico é condenado a 27 anos por abuso de criança

O pastor evangélico Josuel Gonçalves de Sousa, de 45 anos, acusado de abuso sexual contra um garoto de 8 anos, foi condenado 27 anos, sete meses e quinze dias de reclusão, em regime inicialmente fechado.
De acordo com o Tribunal de Justiça do Distrito Federal, não foi concedido ao réu o direito de recorrer em liberdade. Segundo o juiz da 3ª Vara Criminal de Brasília, o pastor exercia uma "posição de destaque" que "facilitava o contato com crianças e adolescentes".
Na sentença, o magistrado justificou a manutenção da prisão do condenado como forma de "garantir a ordem pública, sobretudo pela gravidade dos crimes". Para o juiz, a periculosidade do pastor e a natureza dos atos praticados recomendaram que não fosse concedida a liberdade ao réu.
Josuel atuava na Igreja Batista Pentecostal Jeová Jireh, em Vicente Pires. Ele foi preso após agentes da Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente (DPCA) o investigarem por cerca de 120 dias.

Notícias Cristãs com informações do Terra e do Correio Braziliense
'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();
Tecnologia do Blogger.