Header Ads

ATUALIZADAS
recent

Sequestrador chorou ouvindo música gospel, diz filha de Crivella

Filha do ministro da Pesca foi vítima de sequestro-relâmpago em Brasília.
Vítima conseguiu fugir em Ceilândia; marido diz que ela não se machucou.
A arquiteta Deborah Christine Crivella Lopes, 30, filha do ministro da Pesca, Marcelo Crivella, disse no microblog Twitter que o homem que a sequestrou na tarde dessa quarta-feira (22), em Brasília, chorou ao ouvir música gospel. Crivella é bispo da Igreja Universal do Reino de Deus.
Segundo a Polícia Civil do Distrito Federal, ela foi abordada por um homem armado quando estacionava seu carro, um Hyundai I35, em frente a uma loja na 408 Sul. Ainda de acordo com a Polícia Civil, o sequestrador obrigou a filha do ministro a dirigir até a região de chácaras de Ceilândia, onde ela conseguiu fugir. O veículo e o celular da vítima foram levados pelo sequestrador.
Em uma mensagem destinada ao cantor gospel Thales Roberto, Deborah Crivella escreveu: “Hoje durante o meu sequestro, pedi para o bandido para eu ligar Suas musicas [músicas do cantor]... Ele foi ouvindo e chorando.”
Deborah também contou no microblog que foi abordada após sair da Igreja Universal do Reino de Deus. “O kra apontou a arma para mim...e a única coisa q eu soube fazer na hr foi gritar:"VC TA AMARRADO EM NOME DE JESUS! NA MINHA VIDA VC N TOCA!"
O marido da arquiteta, que preferiu não ter o nome divulgado, disse que ela ficou bem, apesar de ter saído do carro em movimento. “Está tudo bem, o sequestro foi ontem por volta das 16h e ontem mesmo ela já estava bem. Ela não se machucou”, disse o marido.
De acordo com o marido, Deborah Crivella conseguiu uma carona para voltar para casa. Após registro de ocorrência na delegacia, ela dormiu na casa dos pais.

G1

Tecnologia do Blogger.