Header Ads



ATUALIZADAS
recent

Mães depositam bebés indesejados em "caixa para bebês" de igreja de Seul; assista

Um serviço controverso na Coreia do Sul permite a mães desesperadas abandonar bebés indesejados numa "caixa para bebés" numa igreja de Seul. A ideia nasceu há três por parte do pastor Lee Jong-rak em Nangok, um bairro de classe trabalhadora em Seul, capital sul-coreana.
Segundo o pastor, tem havido um aumento no número de bebés abandonados na «caixa» desde Agosto, altura em que as leis de adoção foram alteradas.
A Coreia do Sul está a tentar livrar-se da imagem de país onde é fácil arranjar bebés para adotar por parte de estrangeiros.
Registaram-se no país casos de bebês abandonados em banheiros e outros locais públicos, uma situação que Lee Jong-rak tenta evitar.
"No mês passado tivemos dez bebês abandonados na "caixa". E este mês já recebemos outros cinco. Perguntava-me o porquê deste aumento, e então percebi que tinha havido mudanças na lei da adoção", refere o pastor.
Atualmente, Lee tem a seu cargo 20 crianças, muitas das quais com deficiências físicas ou mentais, na sua casa de dois andares
Algumas pessoas, contudo, criticam o pastor, considerando que encoraja as mães a abandonarem as crianças indesejadas.
Veja o vídeo:

DD
'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();
Tecnologia do Blogger.