Header Ads

ATUALIZADAS
recent

Pastora apresenta melhora, mas estado de saúde ainda é grave; assista

A pastora Renée Murdoch, 44 anos, começou a apresentar sinais de melhora neurológica, mas seu estado de saúde ainda é grave. A americana está internada desde a última sexta-feira no Hospital Copa D'Or, em Copacabana, na Zona Sul, após ser agredida por um morador de rua com um pedaço de madeira na Barra da Tijuca, Zona Oeste.
De acordo com o boletim médico, Renée já respira sem o auxílio de aparelhos e não está mais sedada. A pastora segue internada no CTI Neurointensivo do hospital, sem previsão de alta.
No domingo, o marido da pastora, Philip Murdoch, postou um vídeo no Youtube pedindo que a corrente de orações pelo estado de saúde dela não pare.
"A sedação da Renee foi removida, então ela está começando a reagir. Sinto que ela está escutando a nossa voz, pelo menos parcialmente. "Ela tem outras lutas agora, como uma aparente infecção. A gente precisa orar para que ela seja curada" pediu.

Atacada na orla da Barra
De acordo com agentes da 16ª DP (Barra da Tijuca), Alexandre Luis, de 38 anos, teria abordado Rene na Avenida Sernambetiba, logo após ela ter estacionado o carro em frente a um condomínio. Como Rene tinha pouco dinheiro na carteira, foi golpeada na cabeça com uma barra de ferro.
Populares revoltados agarraram o acusado, que só escapou do linchamento quando guardas municipais avistaram o ocorrido.
Anteriormente, se suspeitava que o homem pudesse ser usuário de crack mas, de acordo com os agentes da 16ª DP, ele vai passar por exames, já que há a suspeita de que sofreria de algum distúrbio mental. Alexandre foi encaminhado neste domingo para o presídio Bangu 1, na Zona Oeste.
Assista:

O Dia
Tecnologia do Blogger.