Header Ads

ATUALIZADAS
recent

Cantor parintinense Rinaldo Abecassis aposta em toada gospel

Em entrevista ao portalamazonia.com, o cantor afirmou a falta de interesse dos parintinenses pela música gospel.
As toadas dos bumbás Garantido e Caprichoso resgatam o melhor da cultura amazonense. Mas, você já imaginou o “dois pra lá e dois pra cá”, dança típica da região, nas igrejas amazonenses? Isto é possível, com o trabalho do artista de Parintins (a 315 quilômetros de Manaus), Rinaldo Abecassis. Ele desenvolve nas igrejas da região, a integração da cultura e religião.
Em entrevista ao portalamazonia.com, o cantor afirmou a falta de interesse dos parintinenses pela música gospel. “Aqui na cidade, eles não escutam músicas gospel, ou seja, o louvor é conhecido apenas nas igrejas. Queria mostrar a mensagem de Deus de forma mais ampla. E uma das formas foi por meio das toadas, um ritmo familiar nosso”, explicou Abacassis.
Após o lançamento do primeiro CD “Palavra de Vida Eterna”, o ministério de Abecassis recebeu um convite para desenvolver um projeto. “Graças a Deus, o nosso trabalho está sendo reconhecido. No início não foi fácil. Mas, com perseverança as coisas acontecem. Eu alcanço o meu objetivo, a cada dia”, revelou o cantor.
Sobre as críticas, o artista confessou que não se importa. “Converto tudo em pontos positivos. Houve resistência no começo, e até hoje tem. Toda inovação tem um preço. Quando você cria algo diferente é preciso enfrentar as pessoas”, disse.
A principal inspiração de Abacassis para compor as canções, vem da Bíblia Sagrada. “A palavra de Deus precisa ser ecoada. Então, utilizo a região amazônica e passagens da Bíblia como fonte de criação. Vejo da seguinte forma: cada estado possui sua cultura e a nossa é a toada, por que não utilizar tais artifícios para espalhar o amor do Senhor?”, questionou o músico.
Apresentação
Os membros da Igreja do Evangelho Quadrangular (IEQ) dos Franceses preparam uma apresentação com a música “Amazônia é de Jesus”, do próprio cantor Rinaldo Abecassis.
Para a bailarina e coreógrafa, Debora Castro, poder mostrar a cultura amazonense é uma honra. “Aprecio o trabalho do Rinaldo, ele fala de Deus com o ritmo da nossa região. A igreja vai se surpreender ao conhecer a música”, disse.
Um fator importante destacado pela bailarina é o cuidado para dismistificar as toadas. “É preciso ser cauteloso. Existe uma linha entre o mundano e o aceitavél, mas somos todos amazonenses e precisamos ter orgulho da nossa cultura. Seja por meio de danças, músicas ou artes, não há limites para adorar a Deus”, contou Debora.
Cerca de 30 jovens trabalham na execução da coreografia da canção. A coordenadora do grupo Ingrid Oliveira, acredita na integração da toada com o gospel. “Hoje, as pessoas não procuram mais o convencional. A igreja precisa está inteirada dos movimentos culturais. Nosso objetivo é abrir o coração das pessoas e mostrar o amor de Jesus Cristo”, afirmou.
O espetáculo “Missionários” será apresentado no dia 16 de dezembro, a partir das 18h, na sede da IEQ dos Franceses, localizada no Beco Santa Maria, bairro Alvorada, em Parintins. A entrada é franca.

Portal Amazônia
Tecnologia do Blogger.