Header Ads



ATUALIZADAS
recent

Léo Moura usa religião para explicar 2012 ruim: "provação divina"

O ano de 2012 foi o pior de Léo Moura com a camisa do Flamengo. A avaliação é do próprio jogador, que tem uma explicação para a fase ruim: ele teve uma série de lesões depois da conversão para se tornar evangélico. Na visão do lateral, foi uma provação divina. Agora, com ano novo, alma nova e contrato renovado até dezembro, o atleta se vê pronto para reconquistar a torcida rubro-negra.
“De 2005 até metade do ano passado, estava solto no mundo. Ia à igreja, mas nunca tive aquele foco. A partir do momento em que me converti, comecei a ter lesões. Quem conhece a palavra sabe que isso é uma tentativa de me fazer desistir. Tem esse lado espiritual. Foi um teste, mas sou firme no que escolho. Escolhi este caminho e o ano de 2013 vai ser bom para mim”, afirmou Léo, esperançoso.
Apesar de todas as limitações que o Flamengo tem no momento, o jogador consegue vislumbrar um futuro melhor. E pensa em encerrar sua passagem pelo clube do seu coração, no final de 2014, com o único título que ainda não conquistou com a camisa rubro-negra.
“O único título que não ganhei aqui é a Libertadores. Ainda falta isso no meu livro. É isso que me motiva estar aqui no Flamengo. Vamos buscar uma vaga este ano na Copa do Brasil ou no Brasileiro”, disse o atleta, que chegou a ficar sem contrato por um dia, mas resolveu a prorrogação por mais um ano na última quarta-feira.
“Nunca me vi fora do Flamengo porque aqui é minha casa. Mas você sabe como o futebol é. Tive uma proposta do Cruzeiro no meio do ano, mas não quis sair. Agora tive outras consultas, mas minha preferência foi sempre permanecer”, acrescentou.
Em 2012, Léo foi utilizado pelos técnicos que passaram pelo clube mais no meio de campo do que na lateral direita, sua posição de origem. Com a transferência de Wellington Silva para o Fluminense neste início de ano, a ala volta a ficar sem concorrência no Fla.
“Com relação à posição, foi uma opção do Dorival me colocar no meio de campo. Estou aqui para ajudar porque sou flamenguista e sempre quero ver o Flamengo bem. Foi um ano em que tive lesões seguidas, sei o motivo disso ter acontecido. Este ano é diferente. Vou ter sucesso e voltar a jogar o futebol que sempre joguei aqui. Não tenho dúvida de que vou voltar à lateral”, afirmou.

Terra Eportes
'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();
Tecnologia do Blogger.