Header Ads



ATUALIZADAS
recent

Sacerdote mexicano produz curtas para combater violência

A violência do crime organizado que assola o México motivou um sacerdote a escrever e produzir uma série de curtas-metragens com o objetivo de recuperar os valores de uma sociedade ferida e humanizar os traficantes. A série batizada como ‘Irmão traficante..., poderias perdoá-lo?’, terá 12 capítulos que serão apresentados uma vez ao mês.
Trata-se de curtas-metragens dramáticos que narram histórias verdadeiras de vítimas e algozes do narcotráfico, buscando transformar o coração dos delinqüentes, mas sobretudo, chegar ao coração de quem sofre as consequências deste flagelo. O primeiro curta, de 8 minutos, foi apresentado no último domingo ao final da Missa celebrada ao meio-dia na Catedral da Cidade do México. O curta também pode ser visto no youtube, onde já teve mais de 32 mil acessos, e no site do Centro Católico Multimedial (CCM).
O projeto, que tem a participação de estudantes de comunicação, quer “evitar o derramamento de mais sangue entre irmãos”, em um país onde mais de 70 mil pessoas perderam a vida nos últimos seis anos, devido a conflitos vinculados aos cartéis da droga”.
O responsável pelo projeto, Pe. Omar Sotelo Aguilar, declarou à Agência EFE, que apesar de ter recebido o aval da igreja mexicana desenvolveu a idéia de forma independente, como “dever de cidadão”, procurando, a seu modo, ajudar a dar um “basta às injustiças, ao rancor e às vinganças”.
O Diretor do Centro Católico Multimedial (CCM) explicou que o objetivo do projeto é “colocar nosso grão de areia e contribuir na reparação de uma sociedade que foi gravemente ferida pela onda de violência.
Para a representante da ONG ‘Pare o Sequestro’, Isabel Miranda de Wallace, “é muito difícil que a sociedade possa perdoar criminosos e àqueles que não cumpriram com seu dever de fazer valer a justiça”.

RV via News.va
'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();
Tecnologia do Blogger.