Header Ads

ATUALIZADAS
recent

Programa de TV ajuda igrejas a se livrar de dívidas

Reality show "Rescue Church" mostra 3 pastores/consultores em ação.
A National Geographic é uma revista com 125 anos de idade, especializada em mostrar a natureza, a vida dos animais e paisagens exóticas em todo o mundo. Desde que inaugurou seu canal de TV, o Nat Geo, sua linha vem se diversificando e passou a incluir os chamados reality shows.
Nos últimos meses de 2013 estreou “Rescue Church” [Regate de Igrejas], um programa onde três pastores que também são executivos viajam pelo país para servir como “consultores” de ministérios que estejam com problemas financeiros.
Segundo o site oficial, “Para tocar uma igreja é preciso mais do que fé. Três ministros visitam organizações evangélicas e corrigem seus problemas financeiros para que possam continuar a espalhar a mensagem de Deus”.
Os protagonistas da série, são Kevin “Rev Kev” Annas, Anthony “Gladamere” Lockhart e Jerry “Doc” Bentley.
Nos seis episódios que já foram ao ar, um por semana, os pastores/executivos enfrentam a difícil tarefa de convencer os líderes dos ministérios escolhidos que existem sérios problemas financeiros e se algo não mudar, aquele templo corre o risco de fechar.
“Eu sei que os pastores acreditam no que estão pregando, mas às vezes é preciso uma perspectiva de fora como a nossa para mostrar outro ponto de vista… eles acabam percebendo que estamos lutando por eles”, disse Annas.
Lockhart diz que um dos principais problemas é que, embora as igrejas preguem que as pessoas devem ser bons mordomos de seus bens, às vezes elas não seguem o seu próprio conselho.
Uma das preocupações mostradas no show é como as igrejas menores podem continuar existindo diante do quadro econômico atual nos EUA. Dezenas de igrejas acabaram fechando desde o início da crise, em 2008. É conhecido o fato de que os fiéis têm contribuído menos nos últimos anos.
“Ser uma igreja menor é como ser um pequeno negócio… tem suas desvantagens [em comparação com as grandes organizações] … a única coisa que todos eles compartilham é a paixão pela palavra”, disse Annas.
O programa tem mostrado igrejas que estão seriamente endividadas por que iniciaram projetos de construção que ficaram caros demais, templos que sofreram com a saída de membros e até um caso onde o pastor insistia em fazer tudo sozinho e não conseguia se organizar. Em alguns casos, eles fazem sugestões sobre reformas no templo, cortes de gastos em determinados setores e propõe uma readequação na administração da igreja.
Annas explica que o que eles fazem é oferecer conselhos, mas nunca interferem no que a igreja prega. Sua motivação é ajuda a igreja a se recompor no aspecto financeiro e administrativo. “Acreditamos que a cada igreja… tem um DNA único, uma proposta única… Acho que temos de nos concentrar mais no que nos torna únicos, naquilo que Deus nos deu e nos criou para ser cerca dentro de nossa comunidade local”.

Examiner via GP
Tecnologia do Blogger.