Header Ads

ATUALIZADAS
recent

Grupo armado invade igreja no norte da Nigéria e deixa mortos

Homens atiraram nos fiéis em igreja na cidade de Attangara.
País é alvo de série de ataques do grupo radical Boko Haram.
Pelo menos 12 pessoas morreram e várias ficaram feridas em um ataque realizado por um grupo de homens armados, supostamente membros da milícia radical islamita Boko Haram, contra uma igreja da cidade de Attangara, no norte da Nigéria, segundo informaram testemunhas à Agência Efe.
O ataque aconteceu neste domingo (2) quando homens armados entraram na igreja e começaram a atirar nos fiéis, na maioria residentes nesta cidade situada no estado de Borno, reduto político e operacional do Boko Haram.
"A primeira vez que ouvi os disparos, corri para o monte. Então escutei gritos vindo da igreja e vi a algumas pessoas escaparem, inclusive quando os tiros continuavam", relatou hoje aos jornalistas Abubakar Yousef, um morador que conseguiu escapar para Maiduguri, a capital do estado.
Segundo Yousef, alguns dos moradores que conseguiram escapar disseram que "uma dúzia de pessoas tinha sido assassinada". No entanto, a polícia de Maiduguri ainda não confirmou o ataque nem forneceu qualquer número de falecidos.
Attangara é uma cidade próxima à fronteira da Nigéria com Camarões e não conta com medidas de segurança, como Maiduguri e outras cidades importantes da região.
Também no domingo, pelo menos 40 pessoas morreram em um atentado a bomba em um movimentado bar da cidade de Mubi, no nordeste da Nigéria, perpetrado supostamente por Boko Haram.
Nas últimas duas semanas, mais de 300 pessoas morreram em vários ataques realizados pela milícia radical, que ainda retém mais de 200 meninas sequestradas há mais de um mês.

G1
Tecnologia do Blogger.