Header Ads

ATUALIZADAS
recent

Bíblia ajuda a ver o pai como figura fundamental na vida familiar, indica braço direito da SBB

Rev. Erní Seibert, secretário de Comunicação e Ação Social da Sociedade Bíblica do Brasil (SBB)
Prestes a chegar, o mês de agosto é conhecido por celebrar o Dia dos Pais, e o reverendo aproveita a data para trazer à tona uma análise a respeito do papel paternal na sociedade de hoje.
Atualmente, abre-se uma janela para deixar escapar a autoridade de um pai na família, em detrimento do prestígio de uma mãe, quando a importância dos dois deveria ser valorizada.
O perfil psicológico de um pai é um dos fatores mais contestados, por não ter tanto o hábito de demonstrar afeto ou ser mais rigoroso que a mãe. No entanto, ao ter esta visão, não ocorre na mente das pessoas de que devem "se espelhar em Deus como verdadeiro Pai", conforme observa Seibert.
"Na Bíblia Sagrada, quando Deus se apresenta, ele se apresenta como pai. Na carta do apóstolo Paulo aos Efésios, capítulo 3, versículos 14 e 15, está escrito: 'Por esta causa, me ponho de joelhos diante do Pai, de quem toma o nome toda família, tanto no céu como sobre a terra...'. Deus é apresentado neste texto como Pai. [...] E o texto também afirma que toda família recebe o nome, ou seja, tem como origem, princípio e orientação, o Deus que é Pai", destaca.
Em seguida, o reverendo também discorre sobre a necessidade dos pais enxergarem em Deus a melhor forma de serem autênticos, dedicando o "verdadeiro amor pelos filhos".
"Deus como Pai, faz tudo para que seus filhos sejam felizes e vivam em harmonia com ele. Deus como Pai orienta. Ele não apenas diz como os filhos devem ser, mas também serve de exemplo", acrescenta.
Para se dar conta da essência dos pais em nossas vidas e resgatar a compreensão de que a figura paterna está presente muito mais para ajudar do que cobrar, a Escritura Sagrada se torna um forte alicerce, ensinando sobre os benefícios que um pai pode trazer no crescimento pessoal de cada um.
"Como é importante, se voltar para a Bíblia e ali aprender como é fundamental a figura do pai na família, no lar e na sociedade. Bons pais são essenciais para que crianças se desenvolvam de uma maneira sadia. Bons pais são importantes para a Igreja. Bons pais ajudam a melhorar a sociedade", prossegue o reverendo em sua reflexão.
Ao encerrar o artigo, Seibert alerta que conseguiremos uma sociedade mais disposta a valorizar os pais através da participação espiritual do coração de cada um, do contato de constante com Nosso Pai Celestial e da mente aberta para se ater ao que a Bíblia Sagrada tem a nos ensinar.
"A Bíblia Sagrada é um tesouro. É o verdadeiro livro da família. A família que fizer uso da Bíblia no seu dia-a-dia, aprenderá a vontade de Deus e terá muitas bênçãos. Com a Palavra de Deus presente em cada lar, certamente todos terão um Feliz Dia dos Pais", finaliza.

CP
Tecnologia do Blogger.