Header Ads

ATUALIZADAS
recent

Pastor produz esculturas de material reciclado em Petrolina, PE

Entre as suas criações estão robôs, veículos e miniaturas.
Artista já fez cerca de 60 obras.
Um artista de Petrolina, no Sertão pernambucano, produz esculturas com materiais reciclados. O pastor evangélico Amilton José Leite tem 39 anos e em 2014 criou as primeiras peças para ilustrar um sermão e desde então não parou mais. O escultor teve suas obras expostas em uma feira de artesanato. Entre as suas criações estão robôs, motocicletas, tanques de guerra, carrancas e miniaturas.
De acordo com Amilton, foi a fé que o inspirou a fazer as peças com material reciclado. “Em janeiro do ano passado eu estava preparando um sermão sobre Jesus ser o reciclador da humanidade, pois a sociedade trata o homem como lixo e Jesus atua e transforma em arte. Para ilustrar essa transformação tive a ideia de preparar algo com material reciclado”, contou.
O artesão fez três peças nessa oportunidade e teve a aprovação dos fiéis. “O pessoal gostou do meu trabalho e me incentivaram a continuar produzindo as esculturas. Os amigos começaram a me ligar para doar gabinete de computador, mouse e outros componentes. Daí não parei mais”, relembrou.
As primeiras obras de Amilton foram robôs, cenários e veículos, depois ele passou a variar as temáticas. “Gosto de fazer esculturas que as pessoas reconheçam como motocicletas, tanques e navios e até naves de séries e filmes como Jornada nas Estrelas (Star Trek) e Guerra nas Estrelas (Star Wars)”, explicou.
Segundo o artesão, ele está trabalhando sua estilo que mistura reciclagem de aparelhos eletrônicos com toy art, técnica que cria peças que parecem brinquedo, mas na verdade são feitas para coleção ou decoração. O artista já produziu cerca de 60 peças. “Gosto muito do que faço, mas dá muito trabalho. Principalmente os objetos menores como um trenzinho que fiz, em cima de uma tampa de garrafa, a partir de um circuito eletrônico”, disse.
Do final de setembro até dezembro o artista ministrou uma oficina para crianças e adolescentes. “Ensinamos os jovens a fazer motos com material reciclado. É uma forma de incentivá-los a conhecer a arte, ensinar que dá para fazer reaproveitar muita coisa do que é jogado fora. Além disso pode ser uma fonte de renda caso eles queiram seguir produzindo as esculturas”, contou.

Publicado no G1
Tecnologia do Blogger.