Header Ads

ATUALIZADAS
recent

Rússia irá implantar rede WiFi para religiosos

Programa vai oferecer acesso grátis e conteúdo “puro”.
O Conselho Interconfessional da Rússia resolveu elaborar uma ideia de ter uma rede WiFi exclusiva para religiosos.
O projeto pretende instalar pontos de WiFi próximo a templos e os usuários não poderão compartilhar mensagens de caráter extremista, sectário ou pecaminoso, pois a rede irá bloquear esse tipo de troca de informação.
O mesmo vai acontecer com o acesso de fatos históricos falsificados como explicou o sacerdote Roman Bogdasarov, residente adjunto da seção pela interação da Igreja e sociedade da Igreja Ortodoxa Russa.
Instalar os pontos de acesso será uma tarefa das prefeituras e assim que estiver pronta, a tecnologia será repassada aos templos gratuitamente.
Além dos ortodoxos, outros grupos religiosos poderão utilizar a rede de WiFi, inclusive cristãos, budistas, judeus e muçulmanos.
Líderes dessas religiões estão satisfeitos com o projeto, pois entendem que através da internet os fiéis recebem informações indecentes que fogem do que eles são ensinados em suas igrejas e templos.
“Agora muitas pessoas mesmo as que não desejam isso frequentemente recebem informações indecentes através da Internet. […] Convém proteger os nossos jovens a crianças deste fenômeno”, disse à imprensa o presidente adjunto do Conselho de muftis da Rússia, Rushan Khazrat Abbyasov.
Mas ao contrário do que se possa imaginar, o conteúdo permitido através dessas redes não será exclusivamente religioso, porém terão um bloqueio prévio.
“Não dizemos que na Internet ortodoxa só haverá sermões do patriarca ou sites ortodoxos. Haverá muitas coisas, inclusive cinema normal e filmes russos e estrangeiros que infundem nas pessoas tais valores corretos como moral tradicional, patriotismo, proteção da família e crianças”, disse o sacerdote russo Izvestia.
A ideia é criar um ambiente onde a violência e a pornografia estejam censuradas para que os religiosos do país possam trabalhar e se comunicar pela internet sem ser cercado por este tipo de conteúdo.

Publicado em GP com informações de Sputnik News

Tecnologia do Blogger.