Header Ads

ATUALIZADAS
recent

Pastora evangélica é amarrada e torturada por companheiro em Candeias

Crime aconteceu no bairro da Urbis I. Acusado não aceitava fim do relacionamento.
Uma pastora evangélica do município de Candeias, identificada como Nívea de Jesus, 43 anos, deu entrada no Hospital Ouro Negro, neste domingo, 03, após ser dopada, mantida como refém e torturada por várias horas, pelo seu companheiro identificado como José Hamilton dos Santos, 52 anos.
O crime aconteceu na residência da vítima, no condomínio Massuim, no bairro da Urbis I. Fontes próximas a pastora, relataram ao portal Bahia No Ar, que Nívea queria se divorciar de José Hamilton, porém ele não aceitava a decisão da esposa.
Vítima no hospital.
Na noite de sábado, 03, o acusado adentrou na casa da pastora por volta das 22 horas e só saiu do local por volta das 5 da manhã. Além de dopar a mulher com remédios, José Hamilton amarrou a mulher na cama, espancou e ainda deferiu golpes de faca na vítima, que foi ferida na mão e na região do peito.
O acusado José Hamilton Santos.
Ainda de acordo com informações chegadas ao portal Bahia no Ar, após o crime o acusado relatou o ocorrido a uma vizinha e em seguida fugiu do local. Nívea foi socorrida por familiares e levada para o Hospital Ouro Negro onde permanece internada. A filha da vítima prestou queixa na 20ª Delegacia Territorial (DT/Candeias).

Publicado em Bahia no Ar


Tecnologia do Blogger.