Header Ads



ATUALIZADAS
recent

Falso padre é preso suspeito de enganar e roubar fiéis

Erwin Mena enfrenta 22 acusações criminais, incluindo roubo qualificado.
Erwin Mena (foto), de 59 anos, foi preso ontem (2), em Los Angeles, EUA, acusado de fingir ser padre desde 1990 e roubo qualificado.
De acordo com o “Los Angeles Times”, no ano passado, em seu maior golpe, ele arrecadou 15 mil dólares (R$ 60 mil) de fiéis para uma excursão para ver o Papa Francisco. O evento nunca aconteceu e ele fugiu com o dinheiro.
O falso sacerdote também celebrava missas, funerais, casamentos e ouvia confissões. Ele agora enfrenta 22 acusações criminais, incluindo roubo qualificado e pratica da medicina sem licença.
Ele sempre desaparecia após receber as doações em dinheiro. Inclusive, convenceu várias igrejas a deixá-lo vender um vídeo por 25 dólares (R$ 100) sobre o Papa. O falso padre também escreveu livros sobre sua vida.
A Arquidiocese de Los Angeles contatou a polícia após inúmeras denúncias. Mena foi colocado em uma lista de sacerdotes não autorizados. A porta-voz, Doris Benavides disse ao “Times” que aqueles que receberam os sacramentos de Mena poderão fazer as cerimônias novamente sem custos.

Publicado em DM


'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();
Tecnologia do Blogger.