Header Ads

ATUALIZADAS
recent

Procuram-se exorcistas: Igreja Católica luta para achar sucessores

O Padre Vicente Taraborelli, 79 anos, é um dos mais requisitados em Roma: em um dia de serviço, ele chega a atender até 30 pessoas. Em uma entrevista à BBC, ele contou que a Igreja Católica está em busca de jovens exorcistas e como este é um trabalho difícil.
Há quase três décadas, ele atua expulsando maus espíritos e aconselhando as pessoas. Padre Vicente conta que, antes de fazer seu ritual, recomenda que os fiéis procurem psicólogos e psiquiatras, mas os próprios profissionais também o indicam para alguns desses pacientes.
Em sua mesa, ele mantém dezenas de papéis, fotos e livros de oração. Na parede, seu certificado de exorcista. Quando as pessoas chegam em sua sala, ele tenta tranquilizá-las, convidando-as para uma oração.
Seu caso mais notável envolveu uma mulher e durou nada menos do que 13 anos. Segundo o padre, outro homem, que era satanista, queria a moça e, ao ser recusado, teria lançado feitiços para atraí-la duas vezes por semana.
“Ela veio aqui nesta sala e, quando eu comecei a orar, ela entrou em transe. Logo ela disse muitos insultos e blasfêmias e eu entendi que estava possuída”, conta Vicente. Ele afirma que, quando ordenou em nome de Jesus que o mau espírito a deixasse, a vítima começou a vomitar pequenos pinos metálicos, cinco de cada vez. “Além de pinos, ela vomitou tranças de cabelo, pequenas pedras, pedaços de madeira. Soa como algo de outro mundo? Mas é deste”, revela ele.
Dentro da Igreja Católica, a existência de demônios e a possessão são crenças ainda muito aceitas, mas, fora dela, não crentes argumentam que tudo não passa de superstição medieval. Para o Padre Vicente, alguém que não acredita no demônio não pode saber o que ele quer. “Você só precisa ver o mundo, nunca esteve pior. Os atos de violência não são coisas humanas”, conclui o exorcista.
Apesar da idade, Padre Vicente não desiste do trabalho e confessa que está cada vez mais difícil para a Igreja encontrar jovens interessados em passar horas presos em uma sala lendo relatos de crentes perturbados.


Publicado em Mega Curioso

Tecnologia do Blogger.