Header Ads



ATUALIZADAS
recent

Quadrilha rende fiéis durante culto e sequestra pastores para assaltar casa e empresa dos religiosos


Família da pastora tem empresa que produz sacolas plásticas, um dos alvos dos criminosos. Fieis foram obrigados a manter culto sob a mira das armas dos criminosos.
Uma quadrilha armada interrompeu um culto, fez os fiéis reféns e sequestrou o casal de pastores por duas horas neste domingo (14) em Lorena (SP). O alvo dos criminosos era a casa e a empresa da família dos religiosos. Durante a ação, os fiéis permaneceram na igreja e foram obrigados a continuar a celebração sob a mira dos criminosos - as vítimas tiveram os celulares recolhidos. Ninguém foi preso.
Segundo a Polícia Militar a ação começou às 20h45 enquanto o culto acontecia na igreja evangélica Batista Nova União na Vila Hepacaré. Cerca de sete homens armados invadiram o local, anunciaram o assalto e levaram os pastores.
Na ação, eles baixaram as portas, recolheram os celulares das vítimas e se dividiram. Três deles levaram o casal até a casa e a empresa que administram, que produz sacolas plásticas. A fábrica é do irmão da pastora. Enquanto os religiosos eram levados, quatro assaltantes permaneceram na igreja. Cerca de 80 fieis estavam no local.
De acordo com a PM, o trio roubou da casa dos pastores joias, dinheiro e eletrônicos e depois seguiu para a empresa. No local, eles forçaram a pastora a abrir o cofre e levaram os malotes entregues do fim de semana e documentos.
Depois do assalto, os criminosos retornaram para o templo com o os pastores e fugiram em dois carros, um deles o da família dos religiosos. A ação durou cerca de duas horas. Segundo uma testemunha, enquanto eles estavam com os pastores, os quatro homens obrigaram os grupos a cantarem para que a vizinhança não percebesse a ação.
A Polícia Militar foi acionada, mas o grupo conseguiu fugir. Horas depois, o carro da família foi encontrado abandonado ainda na cidade. O casal ficou ferido por agressões sofridas durante o sequestro, foi atendido e vai passar por exame de corpo de delito nesta segunda-feira (15). Na igreja, nenhum fiel sofreu ferimentos.
O caso foi registrado na Polícia Civil. Os valores levados na ação ainda não foram contabilizados. O G1 não conseguiu localizar ninguém na igreja na manhã desta segunda-feira (15).

Publicado originalmente em G1
'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();
Tecnologia do Blogger.