Header Ads



ATUALIZADAS
recent

Em praça pública casal é chicoteado por ter filho fora do casamento

Um casal foi chicoteado esta quarta-feira em praça pública por ter tido um filho fora do casamento, na cidade de Tombuktu, no Mali.
Segundo a agência AFP, que cita testemunhas, o castigo foi aplicado pelos fundamentalistas islâmicos que ocupam o norte do Mali. Mohamed Uld Baby, das autoridades locais, contou o quer aconteceu: «Na Praça de Sankore em Tombuktu, um homem e uma mulher receberam 100 chicotadas por terem um filho fora do casamento. Nunca vi nada assim, as pessoas assistiram como se estivessem num espetáculo.»
A região do norte do Mali é controlada pelo grupo fundamentalista islâmico Ansar Dine (Defensores da Fé). Os extremistas estão a aplicar a lei islâmica na região desde março deste ano. Esta foi a primeira medida aplicada em praça pública, mas o grupo já exigiu às mulheres que usem um véu, além de proibir o consumo de bebidas alcoólicas e de fumar.
O casal foi depois assistido na unidade hospitalar mais próxima.

Notícias Cristãs com informações da AFP

Nenhum comentário:

Fico muito feliz pelo seu interesse em comentar esta notícia.

Lembro que a legislação brasileira prevê a possibilidade de responsabilização do blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários.

Sendo assim, me reservo o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa.

Enfim, gostaria de lhe pedir a gentileza de se identificar com seu nome e e-mail.

Obrigado.

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();
Tecnologia do Blogger.