Header Ads

ATUALIZADAS
recent

Ex-dependente, Mara Maravilha está há 10 anos livre de remédios


‘Sofria alucinações com os inibidores de apetite, estava triste e deprimida’, disse a cantora ao EGO, às vésperas de lançar um DVD infantil.
Com 1,59m de altura, Mara Maravilha já chegou a pesar 70 quilos. Lutar contra a balança sempre foi uma constante na vida dessa baiana de Itapetinga, que estreou na TV Itapoan aos oito anos e em 1982 virou apresentadora do Clube do Mickey, na emissora de Sílvio Santos. Hoje, aos 44, depois de se converter à religião evangélica, virou cantora gospel e se prepara para lançar no segundo semestre um DVD infantil.
Quando estava no auge da fama durante a adolescência, a cobrança pela imagem perfeita fez Mara recorrer ao uso de remédios para emagrecer. Só assim conseguia atingir o peso ideal. “Foi com 15 anos de idade que comecei a tomar inibidor de apetite. Me tornei uma dependente deles. Conseguir a medicação era muito fácil, não precisava nem de receita médica. Existe uma máfia que te fornece receita e basta ir à farmácia buscar o remédio”, lembra Mara.
O remédio também tinha o poder de alterar - para pior - o seu humor. Ela, que era conhecida por sua espontaneidade e alegria, se tornou uma pessoa deprimida e triste. “Tomava o remédio e ficava transtornada. Não aconselho a ninguém entrar nessa! Estou aqui como uma vítima. Teve uma hora que o remédio não era mais inibidor de apetite e me criou uma dependência, não me deixava bem. Eu não era mais comunicativa, leve, eu ficava tensa. Ainda por cima, tinha alucinações.”

A cantora quer ter um filho
A última vez que fez uso dos inibidores de apetite foi há 10 anos. As dores que tem nas costas Mara atribui a sequela deixada pelos medicamentos. Ela também se pergunta se não foram os mesmos inibidores que a impedem de engravidar até hoje. Casada há quatro anos com o dentista Alexander Vigna, quem conheceu na igreja que frequentava em São Paulo, Mara mora com ele na Ilha Porchat, em São Paulo. Alexandre já tem um filho do primeiro casamento e agora tenta outro com Mara: “É alguma coisa comigo. Gostaria de ter filho, mas não é algo que me deixa neurótica. Esta nas mãos de Deus. Enquanto há vida, há esperança. Conversamos sobre a possibilidade de adotar uma criança.”
Gostaria de ter filho, mas não é algo que me deixa neurótica. Está nas mãos de Deus” A ex-apresentadora se sustenta como cantora de música gospel fazendo shows pelo país. Em seu site, Mara também vende bíblias, mas garante que a renda é revertida para a compra de mais edições e que não lucra nada com a sua comercialização. “Meu único objetivo com a venda das bíblias é evangelizar. Eu peço que as pessoas colaborem na compra de bíblia e assim, encomendo mais publicações para a livraria. Quem tiver o coração aberto para isso, compra. Evangelizo com a palavra de Deus.”
Longe dos remédios, Mara atualmente se preocupa menos com o excesso de peso - embora não esteja em seu peso ideal ela tem atualmente 60 kg - e segue uma vida saudável. Caminha diariamente com marido pela orla e não come gordura nem doces. “Queria estar mais magra. Não estou como gostaria, mas psicologicamente estou bem no meu interior. Estou de bem com Deus, comigo, com as pessoas, com o meu esposo. Tudo passa. Meu marido é meu companheiro, anda comigo. Não adianta andar sozinha."

EGO

Nenhum comentário:

Fico muito feliz pelo seu interesse em comentar esta notícia.

Lembro que a legislação brasileira prevê a possibilidade de responsabilização do blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários.

Sendo assim, me reservo o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa.

Enfim, gostaria de lhe pedir a gentileza de se identificar com seu nome e e-mail.

Obrigado.

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();
Tecnologia do Blogger.