Header Ads



ATUALIZADAS
recent

Silas Malafaia desafia Jean Wyllys a provar que ele é um “aproveitador do bolso das pessoas”; assista

O deputado federal teria afirmado no programa Jogo do Poder que o pastor assembleiano precisa abrir suas contas para mostrar seus ganhos e gastos.
O pastor Silas Malafaia participou do programa Jogo do Poder do Canal CNT e falou sobre diversos assuntos polêmicos, entre eles sobre seu posicionamento contrário ao homossexualismo.
Malafaia diz que as igrejas evangélicas não obrigam nenhum indivíduo a mudar sua opção sexual, mas que oferece ajuda para aqueles que desejam mudar e que por isso, procuram as igrejas.
O programa com duração de mais de meia hora também serviu como resposta para que o pastor presidente da Assembleia de Deus Vitória em Cristo pedisse para que o deputado federal Jean Wyllys (Psol) provasse as acusações que fez contra quando esteve participando do programa.
O deputado que é homossexual disse que o pastor Silas Malafaia é “aproveitador do bolso das pessoas” e sugeriu que ele abrisse suas contas financeiras para provar que não faz uso dos valores arrecadados nos cultos.
“Eu queria que ele colocasse no papel e assinasse para que ele possa provar o que disse”, disse Malafaia que não fugiu da pergunta sobre os líderes religiosos que abusam da pedição de ofertas.
O pastor assembleiano acredita que há um preconceito, uma manobra da opinião pública para julgar e criminalizar os líderes evangélicos sendo que apenas 6% dos pastores é que praticam o abuso em relação aos dízimos e ofertas.
Ele também lembra que a Igreja Católica transfere bilhões de reais para o Vaticano, dinheiro que também vem das contribuições do membro.
Assista:


Notícias Cristãs, copiado do Gospel Prime

Um comentário:

  1. O Sila "Mala"faia não é só um aproveitador, é também um usurpador da fé dos incautos. Malandro com etiqueta, safado, pilantra, igual ao Edir Macedo, RR Soares e aquele outro moreno que tá em eviência...

    ResponderExcluir

Fico muito feliz pelo seu interesse em comentar esta notícia.

Lembro que a legislação brasileira prevê a possibilidade de responsabilização do blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários.

Sendo assim, me reservo o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa.

Enfim, gostaria de lhe pedir a gentileza de se identificar com seu nome e e-mail.

Obrigado.

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();
Tecnologia do Blogger.