Header Ads

ATUALIZADAS
recent

Canibais de Nova Guiné fizeram sopa usando pênis e cérebros das vítimas

Jornal The Telegraph informou que os canibais fizeram uma sopa usando os cérebros e os pênis das vítimas.
A polícia de Papua-Nova Guiné está descobrindo mais detalhes sobre o culto canibal responsável pela morte de sete pessoas no interior do país. Acredita-se que os membros da seita tenham feito uma sopa usando os cérebros e os pênis das vítimas.
Segundo a polícia local, os canibais comeram os órgãos das vítimas porque acreditavam que alcançariam poderes sobrenaturais e se tornariam “à prova de balas”. O chefe de polícia Anthony Wagambie afirmou ao jornal britânico Mirror que os integrantes da seita não sabiam que estavam fazendo algo errado.
— Eles fizeram isso abertamente.
Pelo menos 29 pessoas já foram presas. Wagambie acredita que existam entre 700 e 1.000 membros da seita, morando em vários vilarejos no interior de Papua-Nova Guiné. Detidos 29 membros de seita canibal que comeu 7 pessoas em Papua-Nova Guiné.
Os presos foram levados a tribunal na última terça-feira (10). Eles foram acusados de homicídio culposo. O canibalismo fazia parte da cultura tradicional em Papua-Nova Guiné, e algumas tribos mantiveram a prática.
Os restos mortais dos sete mortos não foram encontrados. “Eles provavelmente foram comidos”, afirmou o chefe de polícia.

R7

Nenhum comentário:

Fico muito feliz pelo seu interesse em comentar esta notícia.

Lembro que a legislação brasileira prevê a possibilidade de responsabilização do blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários.

Sendo assim, me reservo o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa.

Enfim, gostaria de lhe pedir a gentileza de se identificar com seu nome e e-mail.

Obrigado.

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();
Tecnologia do Blogger.