Header Ads



ATUALIZADAS
recent

Israel repudia deputado que rasgou Novo Testamento

As autoridades israelenses repudiaram nesta quarta-feira o gesto do deputado de extrema direita que rasgou um exemplar do Novo Testamento, mas não anunciaram eventuais sanções.
"Lamentamos profundamente este comportamento e o condenamos do modo mais intenso. É um gesto que vai completamente contra nossos valores e tradições", declarou Mark Regev, porta-voz do primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu. "Israel é uma sociedade tolerante, mas temos tolerância zero diante deste ato vergonhoso e odioso", destacou Regev.
O deputado de extrema direita Michael Ben Ari rasgou um exemplar do Novo Testamento para denunciar o envio a membros do Parlamento deste livro "depreciativo", segundo a imprensa israelense.
Ben Ari, do partido de oposição União Nacional, é um dos parlamentares que recebeu pelo correio um exemplar do "Livro dos Testamentos", que inclui a Bíblia e o Novo Testamento, enviado pela Sociedade Bíblica Israelense.
"Este livro depreciativo provocou o assassinato de milhões de judeus durante a Inquisição", afirmou Michael Ben Ari em seu site NRG-Maariv. "É uma horrível provocação de parte da Igreja. Este livro e os que o enviaram deveriam ser lançados ao lixo da história".
Na carta que acompanha os livros, o diretor da Sociedade Bíblica Israelense, Victor Kalisher, informa aos parlamentares que esta nova edição do Livro dos Testamentos "esclarece as santas escrituras e ajuda a compreendê-las (...) ilustrando a relação estreita entre a Bíblia e o Novo Testamento".

AFP via Terra

Nenhum comentário:

Fico muito feliz pelo seu interesse em comentar esta notícia.

Lembro que a legislação brasileira prevê a possibilidade de responsabilização do blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários.

Sendo assim, me reservo o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa.

Enfim, gostaria de lhe pedir a gentileza de se identificar com seu nome e e-mail.

Obrigado.

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();
Tecnologia do Blogger.