Header Ads



ATUALIZADAS
recent

Igreja está 200 anos atrás no tempo, disse cardeal italiano morto

Martini considerava que a Santa Sé deveria tomar três medidas para diminuir o modo antiquado das celebrações católicas.
Morre cardeal Carlo Maria Martini, uma das grandes figuras da Igreja Católica O cardeal italiano Carlo Maria Martini, que morreu na última quinta (30), afirmou em sua última entrevista que a Igreja Católica está 200 anos atrás no tempo. As declarações foram publicadas neste sábado pelo jornal "Corriere della Sera". "A Igreja Católica está 200 anos atrás dos tempos atuais. Porque ela não se mexe? De que eles têm medo? Medo em vez de coragem?".
Sobre a situação da Igreja Católica, ele afirmou que a religião está estancada na Europa e na América, com uma cultura antiquada, templos grandes e rituais pomposos, o que tem afastado os fieis. Para que o conceito católico fosse recuperado, a Igreja deveria se aproximar mais das pessoas.
"Estamos como aquele jovem rico que foi chamado por Jesus para ser seu discípulo. Eu sei que não podemos deixar isso de forma fácil, mas pelo menos poderíamos tentar ser como os homens livres e mais próximos dos fieis".
Martini considerava que a Santa Sé deveria tomar três medidas para diminuir o modo antiquado das celebrações católicas: o reconhecimento dos erros do passado, como os casos de pedofilia, o retorno da "Bíblia" às igrejas e a reafirmação dos sete sacramentos da Igreja, a partir de sua revisão.
Isso incluiria, entre outras medidas, o reconhecimento do divórcio e a possibilidade de um novo amor, o que mudaria a concepção de casamento atual.

MORTE
Martini morreu na sexta (31), aos 85 anos. O cardeal jesuíta sofria há dez anos do Mal de Parkinson.
Ele figurava entre os "papabili" (favoritos) no conclave de 2005 que elegeu Joseph Ratzinger, manteve uma ação comedida dentro da Igreja, em favor de uma instituição mais aberta e do diálogo com o mundo.
Martini havia sido ordenado sacerdote em 13 de julho de 1952. Foi nomeado pelo papa Paulo 6º como reitor do Instituto Bíblico, onde permaneceu até 1978, e em seguida da prestigiada universidad pontificia gregoriana, em Roma.
No final de 1979, João Paulo 2º o nomeou arcebispo de Milão, a maior diocese da Europa, a qual ele dirigiu durante 22 anos. Em várias ocasiões, Bento 16 expressou sua estima pelo cardeal Martini.
Em junho deste ano, o papa havia se encontrado com Martini em Milão.

Terra

Um comentário:

  1. A ICAR tem medo justamente de perder 'a majestade'de quem ostenta o título de representante de Deus aqui na Terra.

    É rasa e impressionante essa ideia que ela sustenta ao longo dos séculos, quando por muito menos do que ela 'sustenta sua fé', o próprio Jesus repreendeu o suposto fundador de sua igreja, dizendo severamente: - 'afasta-te de mim, Satanás'! - quando este cogitava das coisas de homens e não do Reino dos Céus, querendo agir em oposição à sua condição de Messias, querendo que Jesus agisse em oposição à vontade de Deus. Ora, Jesus entregar-se-ia em sacrifício definitivo,abolindo TODOS os cerimonialismos e rituais em nome do Pai.

    Por isso, muito mais grave do que ser um modelo antiquado (como diz o cardeal), o conceito católico de que Igreja é um lugar, uma instituição, um espaço físico, é PAGANISMO PURO que, quanto mais utiliza de rituais pomposos, mais distancia seus fiéis do sentido verdadeiro do Evangelho, do propósito de Jesus.Daí ela não está atrasada apenas duzentos anos e sim mais de dois mil anos!!!

    Aí, mentindo pra si mesma, mantém essa pompa, esse glamour, essa falsa imagem de poderosa que foi crescendo ao longo dos séculos.

    E ela não se mexe, pois, como diria o próprio cardeal, teria que fazer uma profunda revisão, que a levaria a mudar velhos e mofados conceitos e a tomar medidas que romperiam com todas as concepções até agora instaladas como 'verdades'. E de cara lavada, mostraria quem, de fato, ela é: pobre, miserável e nua.

    Daí a falta de coragem. Pois não é fácil arrancar a máscara da própria face e dizer simplesmente que tudo aquilo é mera exterioridade que de nada serve aos olhos de Deus.

    Então segue imponente e arrogante, varrendo a sujeira pra debaixo do tapete. Enganando seus 'fiéis' e seus fiéis a enganando numa eterna farsa teatral. Porque, convenhamos, no fundo, no fundo, a turba gosta daquele fascínio que a ICAR exerce em suas mentes engessadas. Sei bem o que estou dizendo, pois falo 'de cátedra'...

    ResponderExcluir

Fico muito feliz pelo seu interesse em comentar esta notícia.

Lembro que a legislação brasileira prevê a possibilidade de responsabilização do blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários.

Sendo assim, me reservo o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa.

Enfim, gostaria de lhe pedir a gentileza de se identificar com seu nome e e-mail.

Obrigado.

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();
Tecnologia do Blogger.