Header Ads

ATUALIZADAS
recent

Sangue de santo volta a se liquefazer "misteriosamente" na Itália

Fiéis tentam tocar ampola com o suposto sangue do santo carregada pelo cardeal de Nápoles, Crescenzio Sepe.
O sangue de São Genaro, padroeiro de Nápoles, voltou a se liquefazer misteriosamente nesta quarta-feira na catedral desta cidade do sul da Itália, onde milhares de fiéis estavam presentes para assistir ao "milagre".
O cardeal de Nápoles, Crescenzio Sepe, mostrou o sangue de São Genaro em duas pequenas ampolas. O anúncio da liquefação do sangue, interpretado como um sinal positivo para a cidade, foi saudado com aplausos pelos crentes.
O "milagre" costuma acontecer três vezes ao ano: 19 setembro, dia de São Genaro, decapitado no ano 305, no primeiro final de semana de maio e em 16 de dezembro, data do aniversário da erupção do vulcão Vesúvio em 1631, que se acalmou com as orações dos fiéis de São Genaro.
A liquefação do sangue do santo napolitano suscita dúvidas e polêmicas no mundo científico. "Trata-se simplesmente de um composto químico feito a base de ferro, preparado na Idade Média, e que se mantém sólido se não for mexido e assume estado líquido quando agitado", explicou a astrofísica italiana Margarita Hack há alguns anos.

AFP via Terra

Nenhum comentário:

Fico muito feliz pelo seu interesse em comentar esta notícia.

Lembro que a legislação brasileira prevê a possibilidade de responsabilização do blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários.

Sendo assim, me reservo o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa.

Enfim, gostaria de lhe pedir a gentileza de se identificar com seu nome e e-mail.

Obrigado.

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();
Tecnologia do Blogger.