Header Ads



ATUALIZADAS
recent

Igreja vira templo pop em Amsterdam

Música e igreja sempre andaram de mãos dadas. No caso dessa Igreja na Holanda também, mais o caso é um pouquinho diferente. Esse é mais um artigo da série. Holanda, Igrejas e a utilização dos seus espaços. O primeiro foi sobre a Igreja que virou uma livraria. Agora uma casa de shows. Confira:

Chamar o Paradiso de templo do pop não é nenhum exagero. Afinal, além ser o lugar preferido de 11 dos 10 popstars quando tocam na Holanda, é a mais popular (e mais charmosa) casa de shows do país. O Paradiso fica realmente num templo; numa antiga igreja que desde 1968, deixou de ser uma igreja e que já foi palco de drogas e muito rock’n rol. Quanto ao sexo, não posso afirmar, mas acredito que sim. Mas como isso aconteceu?

História: de Igreja a Centro de Lazer Cósmico
Os anos 60 foram marcados por rebeldia, busca da liberdade de expressão e, claro conflitos. Na Holanda não foi diferente. A galera jovem procurava um lugar onde pudesse se expressar livremente. Assim, em 30 de março de 1968, o prédio da antiga Igreja, bem no centro de Amsterdam, foi invadido e tornou-se o “Cosmisch ontspanningscentrum” – algo como “ Centro de Lazer de cósmico”.
O sucesso foi rápido e o lugar virou referência de liberdade artística e em geral. Não só na Europa, diga-se de passagem, mas também em outros continentes. Abrigados pelos vitrais e balaustradas da antiga igreja, acrobatas, bailarinos nus, mágicos apresentavam-se em noites regadas ou incensadas com muito haxixe e marijuana.
Claro que houve muita confusão, brigas e problemas com tráfico de drogas. Mas em 1977, sob nova direção, o Paradiso foi palco de shows de grandes bandas como Sex Pistols e The Police. A partir daí, só fez crescer e adicionar mais grandes nomes no seu programa, tornando-se a casa de shows mais famosa da Holanda. Mas como é o Paradiso hoje?

Templo do Pop e mais
Hoje o Paradiso, além de ser o templo do Pop, é também a casa de shows menores e mais intimistas. O salão maior tem capacidade para 1500 pessoas. É lá que acontecem os maiores shows e ainda funciona como night club. O salão menor pode abrigar até 250 pessoas e é muito utilizado para lançamentos de albuns e shows com um público menor.

Localização
O endereço também não podia ser mais adequado. Fica colado à Leidseplein; o fervo de Amsterdam. Essa é uma praça no centro de Amsterdam onde funcionam vários teatros e casas noturnas famosas. A Leideseplein é endereço da Melkweg, outra casa de shows dos mesmos donos da Paradiso, do Stadsschouwburg, fabuloso prédio que abriga Teatro da cidade, o American Hotel, lindo hotel cujo prédio no estilo art nouvaeu e que é visita obrigatória para um café saboroso na boca e salgado no bolso e, at last but not at least o Leidseplein Theater, onde há anos a comédia (em inglês) Boom Chicago lança novos atores para o estrelato.

Bailandesa.nl

Um comentário:

  1. Texto bem tendencioso...
    Mas valeu para desmistificar esse negócio de Templo. Negócio mesmo! Não é força de expressão.

    O curioso é que as pessoas não se escandalizam quando o 'negócio' é religioso e com as pompas cerimoniosas do ambiente 'cristão'.

    Quando músicos 'do mundo' promovem outro tipo de 'negócio' (que eu chamo de entretenimento) os conservadores de plantão dão piti.

    Na boa, sou mais o templo em que não há a hipocrisia de se usar e abusar do nome de Jesus.

    Inclusive esse outro templo, (se não me engano rss), já foi derrubado há mais de dois mil anos. O homem é que é arrogante e o reconstrói.

    Ainda bem que há pessoas (no caso, músicos) que nos salvam dessa hipocrisia...

    ResponderExcluir

Fico muito feliz pelo seu interesse em comentar esta notícia.

Lembro que a legislação brasileira prevê a possibilidade de responsabilização do blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários.

Sendo assim, me reservo o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa.

Enfim, gostaria de lhe pedir a gentileza de se identificar com seu nome e e-mail.

Obrigado.

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();
Tecnologia do Blogger.