Header Ads



ATUALIZADAS
recent

Bancada evangélica é 'atravessada por escândalos', diz Jean Wyllys

Um dos principais defensores dos direitos LGBT no Legislativo brasileiro e da saída do Pastor Marco Feliciano (PSC-SP) da Comissão de Direitos Humanos da Câmara dos Deputados, o deputado federal Jean Wyllys (Psol-RJ) afirmou, em entrevista ao Terra, que a bancada formada por parlamentares evangélicos no Congresso Nacional é “atravessada por escândalos de corrupção”, e que os membros do grupo ignoraram o clamor popular vindo das ruas nos protestos em todo o país.
“Se você for puxar a ficha das pessoas que compõem a bancada, são todas envolvidas com escândalos de corrupção, com alguma questão local em seus Estados”.
Segundo Jean, o projeto da "cura gay", defendido por Feliciano na CDH, mas derrubado após a pressão popular nas ruas, foi jogado no lixo “e do lixo ele não vai voltar”, nem mesmo após a tentativa de reapresentação por parte do deputado Anderson Ferreira (PR-PE).
“O presidente da Casa (deputado Henrique Eduardo Alves, PMDB-RN) disse ontem que enquanto ele for presidente, o projeto não vai, a Mesa Diretora não vai despachar o projeto. O Anderson reapresentou (o projeto) só por uma pirraça e para dar uma satisfação ao mundinho dele, a seita que ele está ligado, que acha que gay tem que ter cura, e com os argumentos mais malucos”, disse.
“Pego de surpresa” pelos protestos que tomaram as ruas em diversas cidades do País, Jean julga como positiva a ação do Congresso após as manifestações, mas diz não ter certeza se a postura dos políticos e da própria população mudará, mesmo após o êxito no atendimento de algumas demandas. “Gostaria (que mudasse), mas nós temos outros exemplos aí na história. As pessoas foram para as ruas para tirar o (Fernando) Collor e depois elegeram (Paulo) Maluf. Você vê a contradição entre um pleito, que é tirar um cara acusado de corrupção e eleger outro, em São Paulo... Só para entender que nem sempre essa surpresa da manifestação resulta em uma transformação mesmo, em mexer nas estruturas da sociedade".

JB

Nenhum comentário:

Fico muito feliz pelo seu interesse em comentar esta notícia.

Lembro que a legislação brasileira prevê a possibilidade de responsabilização do blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários.

Sendo assim, me reservo o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa.

Enfim, gostaria de lhe pedir a gentileza de se identificar com seu nome e e-mail.

Obrigado.

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();
Tecnologia do Blogger.