Header Ads

ATUALIZADAS
recent

Casal de homossexuais vai à Justiça para obrigar igreja a realizar cerimônia de casamento gay

Após a recente aprovação do casamento gay pelo parlamento britânico, um casal homossexual foi à Justiça solicitar que as igrejas cristãs do país sejam obrigadas a celebrar cerimônias de enlace matrimonial de pessoas do mesmo sexo.
Barrie e Tony Drewitt-Barlow, que estabeleceram uma união estável em 2006, querem agora se casar em uma igreja, e para isso, estão movendo uma ação judicial que serviria de precedente para todos os casais que tiverem o mesmo desejo.
Entretanto, a lei aprovada no Reino Unido possui um dispositivo que protege as igrejas que decidirem não realizar cerimônias de casamento gay, a fim de preservar a liberdade de crença e religião, e por consequência seus princípios.
Um dos noivos, Barrie, afirmou que a legalização do casamento gay não é suficiente: “Por mais que as pessoas estejam dizendo que isso é uma coisa boa, eu ainda não estou conseguindo o que eu quero”, afirmou ao jornal Essex Chronicle.
“O único caminho para nós agora é levar um desafio para os tribunais contra a igreja. É uma pena sermos obrigados a levar os cristãos a um tribunal para fazê-los nos reconhecerem. Isso me incomoda porque eu quero muito – uma cerimônia grande, toda a obra. Eu só não acho que isso vai acontecer de imediato”, afirmou Barrie Drewitt-Barlow.
De acordo com o site WND, esse tipo de pressão por parte de casais homossexuais contra as igrejas, em países onde o casamento gay foi legalizado, só tende a aumentar. Igrejas nos Estados Unidos já estariam se preparando para longas batalhas judiciais nos próximos anos.
“É importante que os pastores tomem medidas para proteger a integridade teológica da Igreja no que se refere a cerimônias de casamento, aconselhamento e outras atividades relacionadas, tais como, o uso de igreja instalações, funcionários e da sociedade”, orientou um recente comunicado da Convenção Batista do Sul da Califórnia.

Gospel +

Nenhum comentário:

Fico muito feliz pelo seu interesse em comentar esta notícia.

Lembro que a legislação brasileira prevê a possibilidade de responsabilização do blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários.

Sendo assim, me reservo o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa.

Enfim, gostaria de lhe pedir a gentileza de se identificar com seu nome e e-mail.

Obrigado.

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();
Tecnologia do Blogger.