Header Ads

ATUALIZADAS
recent

País deixa de ter o maior rebanho católico do mundo, diz pesquisador

Em relação ao número de cristãos praticantes, os evangélicos já são maioria no Brasil, uma vez que apenas 5% dos brasileiros - hoje em torno de 7 milhões de fiéis - frequentam a missa e recebem os sacramentos regularmente.
A conta é do pesquisador do Núcleo Apologético de Pesquisas e Ensino Cristão, Johnny Bernardo, em entrevista concedida ao jornal Nosso Tempo, do Rio de Janeiro, comentando o crescimento evangélico nacional. Essa conta também aponta riscos. Ele alertou que a discussão sobre uma futura hegemonia evangélica no Brasil passa pela questão da manutenção do laicismo.
O Censo do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) de 2010 apontou 123 milhões de cidadãos e cidadãs que se declararam católicas, mas apenas 5% vão às missas. "Portanto, poderíamos adiantar e dizer que o Brasil não é mais o maior país católico do mundo, pelo menos não em número de praticantes", calculou.
Mesmo que os evangélicos passam a assumir uma nova postura na sociedade, marcando presença e maior representatividade nos meios de comunicação, Bernardo apontou para uma discrepância e diferenciação contínua no movimento evangélico brasileiro, "que o torna um movimento independente, competitivo, superficial".
Se o Censo de 2010 levantou a existência de 42,5 milhões de brasileiros e brasileiras que se declararam evangélicos, ele não levou em conta, porém, a falta de uma concepção clara e definida, pelo menos no maior segmento dos evangélicos - o neopentecostalismo - do que seja Igreja. É comum evangélicos orbitarem também em terreiros de Umbanda, no espiritismo e em outras formatações religiosas.
"A própria herança religiosa começa a perder sentido no Brasil. Os novos brasileiros veem ao mundo em um período em que a diversidade religiosa oferece múltiplas opções de escolha", afirmou.

ALC

Nenhum comentário:

Fico muito feliz pelo seu interesse em comentar esta notícia.

Lembro que a legislação brasileira prevê a possibilidade de responsabilização do blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários.

Sendo assim, me reservo o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa.

Enfim, gostaria de lhe pedir a gentileza de se identificar com seu nome e e-mail.

Obrigado.

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();
Tecnologia do Blogger.