Header Ads



ATUALIZADAS
recent

Programa de TV ajuda igrejas a se livrar de dívidas

Reality show "Rescue Church" mostra 3 pastores/consultores em ação.
A National Geographic é uma revista com 125 anos de idade, especializada em mostrar a natureza, a vida dos animais e paisagens exóticas em todo o mundo. Desde que inaugurou seu canal de TV, o Nat Geo, sua linha vem se diversificando e passou a incluir os chamados reality shows.
Nos últimos meses de 2013 estreou “Rescue Church” [Regate de Igrejas], um programa onde três pastores que também são executivos viajam pelo país para servir como “consultores” de ministérios que estejam com problemas financeiros.
Segundo o site oficial, “Para tocar uma igreja é preciso mais do que fé. Três ministros visitam organizações evangélicas e corrigem seus problemas financeiros para que possam continuar a espalhar a mensagem de Deus”.
Os protagonistas da série, são Kevin “Rev Kev” Annas, Anthony “Gladamere” Lockhart e Jerry “Doc” Bentley.
Nos seis episódios que já foram ao ar, um por semana, os pastores/executivos enfrentam a difícil tarefa de convencer os líderes dos ministérios escolhidos que existem sérios problemas financeiros e se algo não mudar, aquele templo corre o risco de fechar.
“Eu sei que os pastores acreditam no que estão pregando, mas às vezes é preciso uma perspectiva de fora como a nossa para mostrar outro ponto de vista… eles acabam percebendo que estamos lutando por eles”, disse Annas.
Lockhart diz que um dos principais problemas é que, embora as igrejas preguem que as pessoas devem ser bons mordomos de seus bens, às vezes elas não seguem o seu próprio conselho.
Uma das preocupações mostradas no show é como as igrejas menores podem continuar existindo diante do quadro econômico atual nos EUA. Dezenas de igrejas acabaram fechando desde o início da crise, em 2008. É conhecido o fato de que os fiéis têm contribuído menos nos últimos anos.
“Ser uma igreja menor é como ser um pequeno negócio… tem suas desvantagens [em comparação com as grandes organizações] … a única coisa que todos eles compartilham é a paixão pela palavra”, disse Annas.
O programa tem mostrado igrejas que estão seriamente endividadas por que iniciaram projetos de construção que ficaram caros demais, templos que sofreram com a saída de membros e até um caso onde o pastor insistia em fazer tudo sozinho e não conseguia se organizar. Em alguns casos, eles fazem sugestões sobre reformas no templo, cortes de gastos em determinados setores e propõe uma readequação na administração da igreja.
Annas explica que o que eles fazem é oferecer conselhos, mas nunca interferem no que a igreja prega. Sua motivação é ajuda a igreja a se recompor no aspecto financeiro e administrativo. “Acreditamos que a cada igreja… tem um DNA único, uma proposta única… Acho que temos de nos concentrar mais no que nos torna únicos, naquilo que Deus nos deu e nos criou para ser cerca dentro de nossa comunidade local”.

Examiner via GP

Nenhum comentário:

Fico muito feliz pelo seu interesse em comentar esta notícia.

Lembro que a legislação brasileira prevê a possibilidade de responsabilização do blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários.

Sendo assim, me reservo o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa.

Enfim, gostaria de lhe pedir a gentileza de se identificar com seu nome e e-mail.

Obrigado.

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();
Tecnologia do Blogger.