Header Ads

ATUALIZADAS
recent

Casal paga R$ 65 mil a bezendeira para salvar casamento

“Venha buscar uma luz para sua vida. Com 30 anos de experiência ajudando as pessoas a serem felizes”. Foi com essas palavras que uma suposta conselheira espiritual e benzedeira conseguiu enganar um casal de Alterosa (MG). Na tentativa de salvar o casamento em crise, o motorista Paulo da Silva e a professora Luziane Aparecida dos Reis foram convencidos pela golpista a vender a casa onde moravam. Alegando que o imóvel era amaldiçoado, a falsa conselheira espiritual disse que iria benzer o dinheiro para a compra de uma nova residência, mas fugiu com a quantia da venda: R$ 65 mil.
Segundo a professora, ela e o marido procuraram a ajuda da mulher, que atendeu o telefone marcado no panfleto. A mulher se apresentou apenas como Gabriela e morava com uma filha de 8 anos. Durante vários dias, o casal conversou com a benzedeira em uma casa no Centro da cidade. Durante um dos encontros, a mulher pediu para eles venderem a casa onde moravam.
“Ela disse que aquilo estava atrapalhando a nossa família e que nós deveríamos levar esse dinheiro pra ser abençoado para depois comprarmos outro imóvel”, conta Luziane.
Após a casa ser vendida, o casal deu o dinheiro para a suposta conselheira, que devolveu a quantia. No entanto, a golpista pediu para que Luziane levasse novamente o dinheiro para ser benzido, já que o primeiro ritual não havia dado certo. Contrariando o marido, a professora levou a quantia para ela, mas quando retornou no dia seguinte para pegar o dinheiro, conforme o combinado, a mulher já tinha fugido.
Depois do golpe, o casal tentou ligar novamente para os números de telefones que apareciam no folheto, mas as ligações caiam na caixa postal. “Quando eu não a achei na casa dela e vi que as ligações davam caixa postal percebi que havia caído em um golpe. Eu não desejo isso pra ninguém, porque é uma dor muito grande você construir sua casa pra depois uma pessoa aproveitar da sua fé te dar um golpe tão grande como este”, lamenta a professora.
Segundo a Policia Militar, a benzedeira havia alugado a casa há dois meses no nome de outra pessoa. A golpista ainda não foi identificada.

G1 via Alagoas 24 Horas

Nenhum comentário:

Fico muito feliz pelo seu interesse em comentar esta notícia.

Lembro que a legislação brasileira prevê a possibilidade de responsabilização do blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários.

Sendo assim, me reservo o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa.

Enfim, gostaria de lhe pedir a gentileza de se identificar com seu nome e e-mail.

Obrigado.

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();
Tecnologia do Blogger.