Header Ads

ATUALIZADAS
recent

Justiça manda igreja indenizar mãe que perdeu filha em retiro espiritual

A filha morreu afogada no local onde era realizado o retiro. Em defesa, a igreja alegou que proibiu banho em lagoa.
Uma mãe que perdeu a filha por afogamento em agosto de 2008, em Campo Grande, durante um retiro espiritual, deverá ser indenizada em R$ 50.000,00 pela igreja responsável pelo evento. A decisão é do juiz titular da 6ª Vara Cível da capital, Daniel Della Mea Ribeiro, que acatou, parcialmente, a ação movida pela mãe.
No processo contra à igreja, a mãe afirma que a fatalidade seria resultado da imprudência da professora de religião, que teria permitido o banho das crianças em lagoa, sem segurança apropriada. Ela alega, ainda, que a professora teria chamado a filha para um ensaio de primeira eucaristia na igreja da comunidade, e não em outra propriedade.
Em defesa, a catequista disse à Justiça que tanto os pais como os alunos foram informados, previamente, de que o retiro não seria na igreja. E que não estava programada nenhuma atividade de lazer. Já a igreja alegou que todos foram informados da proibição de entrar na lagoa e que vítima não seguiu as orientações repassadas a todos os participantes.
Na sentença, o juiz afirma que o local escolhido, além de ser inapropriado para a atividade religiosa, não foram tomados os cuidados de segurança necessários. Além da indenização por danos morais, a igreja deverá pagar uma indenização equivalente a 2/3 salário mínimo no período entre a data que a vítima completaria 14 anos até 25 anos.

G1

Nenhum comentário:

Fico muito feliz pelo seu interesse em comentar esta notícia.

Lembro que a legislação brasileira prevê a possibilidade de responsabilização do blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários.

Sendo assim, me reservo o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa.

Enfim, gostaria de lhe pedir a gentileza de se identificar com seu nome e e-mail.

Obrigado.

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();
Tecnologia do Blogger.