Header Ads

ATUALIZADAS
recent

Pacquiao larga passado mulherengo: "Mudei quando ouvi a voz de Deus"

Filipino diz que largou passado de excessos nos últimos três anos ao ouvir mensagem divina: "Eu vi dois anjos, brancos, altos, grandes asas. Eu vi o paraíso".
Manny Pacquiao não se exibe em redes sociais ostentando luxo, mulheres e dinheiro, como o rival Floyd Mayweather. Mas o filipino de 35 anos, que ainda planeja um duelo final com "Money", também tem a vida marcada por festas, bebidas e garotas. Ou pelo menos tinha. Em entrevista ao jornal britânico "The Guardian", o campeão mundial dos pesos meio-médio da WBO (Organização Mundial de Boxe) mostrou que a imagem de cristão fervoroso suplantou excessos passados.
- Eu tenho muitos sonhos e visões. Já ouvi a voz de Deus. E quando ouço, eu tremo, derreto. Sinto que morri. É uma experiência incrível - disse Pacquiao.
Deputado nas Filipinas, o boxeador diz que está feliz porque achou o caminho certo, a salvação, e que nasceu de novo. Ele fala quase como se estivesse pregando:
- É necessário que nasçamos de novo. Cristo disse a menos que não nasçamos de novo não podemos entrar no reino de Deus. Então, isso é muito importante para mim. Jesus Cristo disse: "Eu sou o caminho, a verdade e a vida. Ninguém vem ao Pai exceto comigo. Há apenas um caminho. E o único caminho é através de Jesus".
Pacquiao diz que as pessoas que o conhecem ficam surpresas com sua mudança.
- Nesta época e idade eu sabia que poderia fazer o que queria. Mas mudei quando ouvi a voz de Deus e eu posso provar que era Deus. Eu vi dois anjos, brancos, altos, grandes asas. Eu vi o paraíso. Deus me ensinou sobre o fim dos tempos. Isso tudo aconteceu comigo nos últimos três anos. Foi como eu mudei minha vida.
A próxima luta de Pacquiao será contra o americano Chris Algieri, dia 22 de novembro, em Macao.

GloboEsporte

Nenhum comentário:

Fico muito feliz pelo seu interesse em comentar esta notícia.

Lembro que a legislação brasileira prevê a possibilidade de responsabilização do blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários.

Sendo assim, me reservo o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa.

Enfim, gostaria de lhe pedir a gentileza de se identificar com seu nome e e-mail.

Obrigado.

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();
Tecnologia do Blogger.