Header Ads



ATUALIZADAS
recent

Igrejas enaltecem ganhos da independência nacional

As igrejas angolanas apontam avanços significativos nestes 39 anos independência nacional, destacando neste processo, a construção de várias infra-estrutura reportou a RNA.
O apóstolo Victor Segunda, da Igreja da Palavra e Poder Divino em Angola, afirmou que nestes 39 anos o país regista mudanças significativas e visíveis, com realce para o exercício da atividade religiosa.
“A independência, para nós, foi bem-vinda porque através dela o povo angolano ficou liberto do jugo colonial e, a igreja hoje tem liberdade de expandir o evangelho de Cristo fruto da independência nacional”, disse.
Para o presidente do Colégio da Igreja Quimbanguista, Santos Diangane, a independência permitiu o reconhecimento do nosso país ao nível internacional.
“Primeiro trouxe a dignidade para os angolanos, os angolanos já podem conduzir o seu país com o seu pensamento. Hoje Angola é membro do Conselho de Segurança das Nações Unidas, que é um respeito para os angolanos e, também, o desenvolvimento do próprio país”, frisou.
Já o Bispo da Igreja Toquista, Dom Afonso Nunes, afirma que a liberdade religiosa é um facto no nosso país.
“Estamos vivendo momentos desta grande liberdade religiosa, se assim não fosse, não teríamos aqui tantas igrejas e tantas religiões, que todos os dias penetram e realizam os seus cultos em todos os cantos e praças”, disse.

Com informações do Canal A

Nenhum comentário:

Fico muito feliz pelo seu interesse em comentar esta notícia.

Lembro que a legislação brasileira prevê a possibilidade de responsabilização do blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários.

Sendo assim, me reservo o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa.

Enfim, gostaria de lhe pedir a gentileza de se identificar com seu nome e e-mail.

Obrigado.

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();
Tecnologia do Blogger.