Header Ads



ATUALIZADAS
recent

'Israel é seu lar', diz premiê Netanyahu a judeus franceses

"Israel não é apenas o lugar para o qual vocês se voltam para rezar; o Estado de Israel é seu lar", afirmou o premiê.
O primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, dirigiu-se aos franceses judeus, na noite deste sábado, garantindo que "Israel é seu lar", em novo pronunciamento pela televisão após a tomada de reféns em um supermercado kosher seguida de trágico desfecho, sexta-feira, em Paris.
"A todos os judeus da França, a todos os judeus da Europa, eu digo a vocês: Israel não é apenas o lugar para o qual vocês se voltam para rezar; o Estado de Israel é seu lar", afirmou o premiê. "Apresentamos nossos sinceros sinceros pêsames a todos nossos irmãos judeus que morreram pelo simples fato de serem judeus", acrescentou.
"A não ser que o mundo volte à razão, o terrorismo continuará batendo", tuitou em sua conta no microblog. Desde a última quarta-feira, 17 pessoas morreram em ataques "jihadistas" na França, incluindo quatro vítimas fatais em um supermercado kasher no leste parisiense.
Netanyahu e o chanceler israelense, Avigdor Lieberman, vão representar seu país na "marcha republicana" convocada para este domingo, em Paris, a qual homenageará as vítimas dos atentados jihadistas. Dezenas de líderes e personalidades mundiais confirmaram presença amanhã.
Entre 500 mil e 600 mil franceses professam o Judaísmo, a primeira comunidade judaica na Europa e a terceira no mundo, atrás apenas de Israel e Estados Unidos.

Atentados, assassinatos, sequestros e perseguições em Paris
A sede da revista Charlie Hebdo, em Paris, foi alvo de um ataque que matou 12 pessoas no dia 7 deste mês. De acordo com testemunhas, dois homens encapuzados invadiram a redação armados de fuzis e, enquanto atiravam nas pessoas que trabalhavam no local, gritaram “vamos vingar o profeta” e Allah akbar (Alá é grande). O semanário já havia sofrido diversas ameaças por publicar charges e caricaturas da figura religiosa de Maomé.
O atentado causou comoção no mundo todo. Manifestações foram organizadas com cartazes escritos "je suis Charlie" (Sou Charlie) e mãos empunhando lápis, o material de trabalho dos quatro cartunistas mortos no episódio.
Cidades da França entraram em alerta máximo para ataque terrorista e 88 mil homens das forças de segurança iniciaram uma caçada aos envolvidos no atentado. Nove pessoas foram presas no dia seguinte. Os irmãos nascidos em Paris e de pais argelinos Cherif Kuachi, 32 anos, e Said Kuachi, de 34, foram identificados como os autores dos disparos. O primeiro já havia sido condenado, em 2008, por ter atuado num grupo que enviava jihadistas ao Iraque.
Nesta sexta-feira (9), a polícia fechou o cerco após os dois irmãos, que estavam foragidos, roubarem um carro e invadirem uma fábrica na cidade de Dammartin-en-Goële, ao norte de Paris, onde mantiveram um refém.
Ao mesmo tempo, no leste de Paris, o casal Hayat Boumediene e Amedy Coulibaly mataram três pessoas em um mercado judaico e fizeram outras dez reféns. Coulibaly, que conheceria um dos irmãos Kuachi, foi identificado pela polícia como o autor dos disparos que mataram uma policial na periferia de Paris no dia anterior.
Após horas de negociações, ambos os lugares foram invadidos pela polícia. Em Dammartin-en-Goële, os irmãos foram mortos e o refém liberado. No mercado, um sequestrador foi morto, assim como um refém, e a outra terrorista permanece foragida.

Publicado no Terra

Nenhum comentário:

Fico muito feliz pelo seu interesse em comentar esta notícia.

Lembro que a legislação brasileira prevê a possibilidade de responsabilização do blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários.

Sendo assim, me reservo o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa.

Enfim, gostaria de lhe pedir a gentileza de se identificar com seu nome e e-mail.

Obrigado.

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();
Tecnologia do Blogger.