Header Ads

ATUALIZADAS
recent

Polícia encontra furto de água em gráfica de pastor Valdemiro Santiago

Diante da grande crise hídrica em São Paulo, policiais civis de São Paulo encontraram, nesta quarta-feira (28) um esquema de furto de água em uma gráfica no Brás, centro da cidade. A empresa pertence ao pastor evangélico Valdemiro Santiago, líder da Igreja Mundial do Poder de Deus.
A fraude foi descoberta e denunciada pela Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp), empresa responsável pelo fornecimento de água em São Paulo. O administrador da gráfica, Jorge Alves Lisboa, de 47 anos, foi preso em flagrante. Porém, deixou a delegacia após pagar fiança de R$ 7.880.
Com o esquema, a empresa pagava apenas a cota mínima para o fornecimento, que é de R$ 71,94. Porém, cálculos fornecidos por fiscais da Sabesp à polícia apontam que o valor da conta deveria ser de, no mínimo, R$ 3 mil, uma vez que a gráfica possui cerca de 100 funcionários e utiliza uma grande quantidade de recursos hídricos.
Com a presença da polícia, a equipe da Sabesp conseguiu encontrar a ligação clandestina. Tubulações de grossa espessura permitiam que a água fosse coletada sem passar pelo hidrômetro, que é o equipamento de medição.
Jorge Lisboa disse que desconhecia a fraude na empresa. A partir de agora, a polícia vai investigar a suposta responsabilidade de Valdemiro e de sua esposa, Francileia de Castro, que é sócia da empresa, no esquema de roubo. Os responsáveis pela gráfica ainda não foram encontrados.
De acordo com a polícia, a fraude acontece há pelo menos seis meses.

Publicado no DM

Nenhum comentário:

Fico muito feliz pelo seu interesse em comentar esta notícia.

Lembro que a legislação brasileira prevê a possibilidade de responsabilização do blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários.

Sendo assim, me reservo o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa.

Enfim, gostaria de lhe pedir a gentileza de se identificar com seu nome e e-mail.

Obrigado.

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();
Tecnologia do Blogger.