Header Ads



ATUALIZADAS
recent

Mulher mórmon afirma que fim do mundo começa neste mês

Segundo Julie Rowe, eclipse do dia 18 de setembro será marcado por algum desastre.
Conhecida por escrever profecias sobre o apocalipse, Julie Rowe, 42 anos, está causando um alvoroço entre seus seguidores, que já estão até vendendo os bens e se preparando para o fim do mundo. Pois segundo a americana, o fim está mais próximo do que se imagina e começa neste mês. As informações são do Daily Mail .
Seus seguidores afirmam que as enchentes que abateram Utah nesta semana são um dos eventos previstos por Rowe. Ela é autora de dois livros que descrevem as visões que teve em setembro de 2004, quando lhe foram mostrados desastres naturais e guerras que conduziriam a humanidade ao retorno de Cristo para a Terra.
O primeiro volume, intitulado como A Greater Tomorrow ( Um Amanhã Maior , em tradução livre), detalha sua incursão pelo mundo espiritual há 11 anos. A autora mórmon escreve que um ancestral nomeado John aceitou ser seu guia e permitiu que ela lesse O Livro da Vida , mostrando visões do passado, presente e futuro da Terra.
Ela descreve o conteúdo dizendo que haverá guerras, fome, pragas e tsunamis, muitos desses eventos marcados para este mês.
“Em alguns anos, acredito que os Santos serão chamados para os portões”, ela escreve. “E não será muito antes de tropas estrangeiras invadirem a América e a Terra entrar em colapso”.
“Terremotos, furacões, tornados, tsunamis, pragas, secas, fome, pestes e todos os tipos de desastres irão dominar a Terra em uma escala tão grande que a humanidade nem pode imaginar como vai ser”, descreve Rowe. “O mundo, como conhecemos hoje, deixará de existir”.
Ela também cita “cidades de barracas”, onde cristãos viveriam enquanto esperam a volta de Cristo. A autora afirmou que planeja se mudar com o marido e os três filhos para um desses acampamentos em junho de 2016.
“Vi que nós acamparemos por todo o ano e que as circunstâncias nos obrigavam a usar roupas tanto para um tempo fresco quanto para um tempo mais quente”, conta.
A americana também orienta outras pessoas a seguirem suas profecias e aconselha, “vocês devem focar em comida, água e possíveis problemas sanitários”.
“Vocês também precisariam aprimorar habilidades básicas de sobrevivência já que eletricidade e outras conveniências modernas não serão mais uma opção”.
A autora também menciona que preparação física será importante e diz fazer caminhadas para “se livrar do peso extra”.
Rowe se recusa a falar com a imprensa, mas segundo seu site, sua próxima aparição pública está marcada para o dia 28 de setembro, quando terá o eclipse apelidado de “lua de sangue”, por causa da coloração avermelhada que a lua assume, e quando aconteceria outro desastre.
Porém, suas previsões não são isentas de críticas. A começar pela Igreja a qual pertence, A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, que descreveu o trabalho de Rowe como “matérias falsas em circulação”.
“Apesar da irmã Rowe ser ativa na Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, seus livros não são endossados pela Igreja e não devem ser recomendados para estudantes ou usados como uma fonte para ensina-los”.
Eles acrescentam que “a experiência que ela compartilha são pessoais e não necessariamente refletem a doutrina da igreja”.
Mais críticas vieram à tona, dessa vez, de ex- seguidores descontentes após algumas das profecias anteriores não terem se tornado realidade.
“No livro ela afirma que viu a ebola (se espalhando pelor EUA), mas não foi a maior praga a atingir a América (em 2014).”
Julie Rowe parece não se abater com os comentários. Em seu livro The Time Is Now ( O Tempo é Agora , em tradução livre) ela afirma ter previsto ceticismo, também vindo por parte de ex-seguidores.

Publicado em Terra

Nenhum comentário:

Fico muito feliz pelo seu interesse em comentar esta notícia.

Lembro que a legislação brasileira prevê a possibilidade de responsabilização do blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários.

Sendo assim, me reservo o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa.

Enfim, gostaria de lhe pedir a gentileza de se identificar com seu nome e e-mail.

Obrigado.

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();
Tecnologia do Blogger.