Header Ads



ATUALIZADAS
recent

Rede Globo ignora o Cristo da “Cristolândia”

Fantástico ignora ajuda religiosa na recuperação de ex-viciados da Cracolândia.
Do ponto de vista jornalístico, existem várias maneiras de se contar uma história. Durante o programa Fantástico deste domingo (21), a Rede Globo tentou fazer o improvável. Usando como pano de fundo a personagem Larissa da novela Verdades Secretas, a emissora carioca quis mostrar um pouco da vida dos dependentes químicos que vivem na chamada Cracolândia, no centro de São Paulo.
O foco da matéria foi a história de superação de Lodemir e Eliene. Esses dois ex-usuários de drogas viviam no mundo das drogas e foram inclusive presos. Contudo, encontraram uma vida nova ao terem contato com o trabalho dos evangélicos que criaram o espaço conhecido como Cristolândia.
Pertencente a Igreja Batista, o trabalho de recuperação de drogados é bastante conhecido, tendo sido mostrado por vários veículos de imprensa. Mas a abordagem do Fantástico chegou aos limites da “neutralidade”.
Ao contar os dramas vividos por Lodemir, que só conseguiu largar o vício depois de 22 tentativas, e de Eliene, que viveu mais de um ano nas ruas da Cracolândia antes de aceitar ajuda dos evangélicos, o motivo da mudança de vida dos dois foi ignorado.
A única menção a Jesus era a camiseta amarela usada pelos dois com o lema do trabalho: “Jesus Transforma”. Em vez de missionários, utilizou-se o termo voluntário para falar dos que trabalhavam no centro de recuperação. Deus simplesmente não fazia parte da equação. Para a edição da Globo, tudo foi mérito da força de vontade humana.
Embora seja uma bela história de superação, a matéria simplesmente não abordou que esses dois, entre tantos outros recuperados, precisaram nascer de novo. O que os missionários têm oferecido é muito mais que um tratamento efetivo para se largar as drogas. Para o Fantástico, Cristo ficou fora da Cristolândia. Felizmente as centenas de vidas ali transformadas pelo evangelho atestam o contrário. Uma pena que a TV não mostrou isso claramente.

Publicado em GP

Nenhum comentário:

Fico muito feliz pelo seu interesse em comentar esta notícia.

Lembro que a legislação brasileira prevê a possibilidade de responsabilização do blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários.

Sendo assim, me reservo o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa.

Enfim, gostaria de lhe pedir a gentileza de se identificar com seu nome e e-mail.

Obrigado.

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();
Tecnologia do Blogger.