Header Ads



ATUALIZADAS
recent

Família é queimada viva por suspeita de bruxaria na Índia

Dez homens foram detidos depois do crime no estado de Jharkhand.
Mais de 2 mil foram assassinados na Índia entre 2000 e 2012 por bruxaria.
Três membros de uma mesma família foram queimados vivos no leste da Índia depois de terem sido trancados em sua casa por uma multidão enfurecida por rumores de participação em sacrifícios humanos.
Dez homens foram detidos depois do crime, que ocorreu no domingo (17) no Estado de Jharkhand, quando dezenas de populares armados com pedaços de pau ou objetos cortantes atacaram a família.
"Espalhou-se o rumor de que os membros da família haviam sequestrado crianças para um sacrifício humano", afirmou a polícia, ao explicar o ataque. Outros cinco membros da família foram socorridos com a casa em chamas.
O chefe da família, Gowardhan Bhagat, foi acusado pelos vizinhos de bruxaria.
No total, 2.097 pessoas, em sua maioria mulheres, foram assassinadas na Índia entre 2000 e 2012, acusadas de bruxaria, segundo estatísticas oficiais.

Publicado em AFP via G1


Nenhum comentário:

Fico muito feliz pelo seu interesse em comentar esta notícia.

Lembro que a legislação brasileira prevê a possibilidade de responsabilização do blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários.

Sendo assim, me reservo o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa.

Enfim, gostaria de lhe pedir a gentileza de se identificar com seu nome e e-mail.

Obrigado.

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();
Tecnologia do Blogger.