Header Ads

ATUALIZADAS
recent

Tecnologia está criando nova espécie humana, diz especialista

A tecnologia está criando uma nova espécie, segundo o futurologista da Academia do Mundo para Artes e Ciência, Ian Pearson. Para ele, até 2050, a tal nova espécie - chamada de Homo optimus - dominará o planeta e o transumanismo - técnica que usa a tecnologia para tornar as pessoas melhores - será algo normal. "Com genomas otimizados e organismos reforçados por ligações com a tecnologia externa, as pessoas poderiam ser mais bonitas, mais inteligentes, mais emocionalmente sofisticadas, fisicamente mais capazes, mais socialmente conectadas, geralmente mais saudáveis e felizes", afirma Pearson.
O futurologista também acredita que nos próximos 35 anos, os seres humanos estarão vivendo mais online do que offline e que os animais de estimação poderão se comunicar com as pessoas falando, algo parecido com os Furbies, bonecos que interagem com as pessoas e aprendem novas palavras.

Homo Optimus
"Podemos esperar que o nosso processo evolutivo mude em resposta à tecnologia. O que é interessante é que não é mais a natureza que está forçando mudanças em nós, mas nossos próprios avanços que permitam mudanças que queremos", explicou o Dr. Pearson.
A aposta é de que até o final do século, vários tipos de seres humanos, incluindo híbridos entre pessoas e máquinas e pessoas que vivem em corpos de robôs, transitem tranquilamente pela terra.
O pesquisador defende ainda que as mudanças tecnológicas poderiam dar origem novos comportamentos e práticas, como a de controlar os próprios sonhos. O especialista revela até que pode ser possível criar uma ligação completa entre o cérebro humano e o computador, permitindo que as pessoas "movessem" suas memórias para os dispositivos."Isso permitiria que as pessoas tivessem várias existências e identidades, ou que continuassem a viver por muito tempo após sua morte biológica ", revela.

Imortalidade
Pearson explica que qualquer pessoa com idade inferior a 40 hoje possui boas chances de se tornar "imortal".

DailyMail via Olhar Digital


Um comentário:

Fico muito feliz pelo seu interesse em comentar esta notícia.

Lembro que a legislação brasileira prevê a possibilidade de responsabilização do blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários.

Sendo assim, me reservo o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa.

Enfim, gostaria de lhe pedir a gentileza de se identificar com seu nome e e-mail.

Obrigado.

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();
Tecnologia do Blogger.