Header Ads

ATUALIZADAS
recent

Pelo menos 28 pessoas morreram e 25 ficaram feridas num novo ataque contra cristãos coptas no Egito

Dois autocarros de peregrinos foram alvo de uma emboscada em Minia, no sul do país.
Cerca de uma dezena de homens armados, vestidos com uniformes militares, abriram fogo sobre o veículo que transportava igualmente várias crianças.
Os passageiros dirigiam-se para o mosteiro de São Samuel o confessor, na província onde reside uma parte da minoria cristão do Egito.
A ação, que não foi reivindicada, iniciou uma verdadeira caça ao homem no país. O presidente Al-Sissi convocou uma reunião de emergência para analisar a situação.
O grande imã de Al-Azhar, uma das principais autoridades religiosas do país denunciou um ataque, segundo ele, “destinado a desestabilizar o país”.


Os coptas representam cerca de 10% da população egípcia, tendo sido alvo de vários ataques, reivindicados pelo grupo Estado Islâmico, que provocaram pelo menos 70 mortos desde Dezembro, junto a igrejas no Cairo, Alexandria e na cidade de Tanta.


Publicado originalmente em Euronews

Nenhum comentário:

Fico muito feliz pelo seu interesse em comentar esta notícia.

Lembro que a legislação brasileira prevê a possibilidade de responsabilização do blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários.

Sendo assim, me reservo o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa.

Enfim, gostaria de lhe pedir a gentileza de se identificar com seu nome e e-mail.

Obrigado.

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();
Tecnologia do Blogger.