Header Ads

ATUALIZADAS
recent

Cientistas adiantam 'Relógio do Juízo Final': faltam 2 minutos para a meia-noite

Relógio do Juízo Final é adiantado nesta quinta-feira.
Relógio, metáfora que mostra o quanto estamos próximos de destruir o planeta, foi adiantado em meio minuto do ano passado para cá.
O Relógio do Juízo Final, uma metáfora que mostra o quanto a humanidade está próxima de destruir o planeta, foi adiantado em meio minuto nesta quinta-feira (25), segundo o Boletim de Cientistas Atômicos.
Agora, o relógio marca 2 minutos para a "meia-noite" -mesmo horário que marcava em 1953, no auge da guerra fria, quando EUA e Rússia testavam bombas termonucleares.
Rachel Bronson, presidente do Boletim de Cientistas Atômicos, disse que o adiantamento em relação a janeiro do ano passado se deve à preocupação crescente com a questão nuclear de Coreia do Norte, Índia, Paquistão e China e à "incerteza" sobre como o governo americano irá lidar com essas questões -"expressa em declarações e tuítes", em uma referência velada ao presidente americano Donald Trump.
O texto afirma que os mais importantes atores nucleares estão à beira de uma nova corrida armamentista, que deve ser muito cara e pode aumentar o risco de "acidentes e erros de percepção".
O comitê explicou que o último ano foi "perigoso e caótico", em que muitos riscos previstos no relatório anterior se realizaram.
O texto apela para que os líderes mundiais se esforcem para se comprometer com um caminho que leve à "saúde e segurança" do planeta.


O Relógio do Juízo Final foi criado em 1947. Ele sempre focou sua preocupação na questão nuclear, mas, a partir de 2007, os problemas do aquecimento global e das tecnologias emergentes também passaram a ser considerados.

Publicado originalmente em G1

Nenhum comentário:

Fico muito feliz pelo seu interesse em comentar esta notícia.

Lembro que a legislação brasileira prevê a possibilidade de responsabilização do blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários.

Sendo assim, me reservo o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa.

Enfim, gostaria de lhe pedir a gentileza de se identificar com seu nome e e-mail.

Obrigado.

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();
Tecnologia do Blogger.