Header Ads



ATUALIZADAS
recent

Juiz autoriza transfusão de sangue em criança filha de tetemunhas de jeová


A pedido de uma maternidade, uma criança nascida prematura, cujos pais são seguidores da religião Testemunha de Jeová, poderá receber transfusão de sangue para salvar sua vida. A decisão foi tomada pelo juiz Clauber Costa Abreu, da 15ª Vara Cível e Ambiental, que deferiu liminar autorizando a transfusão.

Fatos
A criança, uma menina, nasceu com 28 semanas e seis dias – sete meses e quase uma semana – e pesando 1,26 kg. A transfusão de sangue poderá ser necessária para salvar sua vida, haja vista o quadro de profunda anemia do bebê. Entretanto, seus pais, por motivo religioso, não autorizaram o procedimento e a maternidade recorreu ao Poder Judiciário.

Visão do Magistrado
Segundo o juiz Clauber Costa Abreu, as liberdades de consciência e religiosa são garantias constitucionais. Entretanto, a criança também tem o direito constitucional à vida, havendo também que considerar o estabelecido no Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA). O direito à vida, no caso em questão, deve ser preponderante. Adicionalmente, é preciso proteger a criança, que não tem capacidade civil para expressar sua vontade.

Publicado originalmente em TJ-GO via André Mansur

Nenhum comentário:

Fico muito feliz pelo seu interesse em comentar esta notícia.

Lembro que a legislação brasileira prevê a possibilidade de responsabilização do blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários.

Sendo assim, me reservo o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa.

Enfim, gostaria de lhe pedir a gentileza de se identificar com seu nome e e-mail.

Obrigado.

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();
Tecnologia do Blogger.